5 processos que podem ajudar na gestão de equipe na sua empresa

Todo negócio é feito por e para pessoas. Portanto, para que toda e qualquer estratégia de mercado funcione é preciso pensar tanto no cliente quanto na gestão de equipe. Assim, quando esses dois elementos se encontrarem durante a jornada de compra, o resultado não seja outro além da compra e fidelização.

No entanto, por se tratarem de pessoas essa não é das tarefas mais fáceis, pois, para ter o sucesso almejado, há a necessidade de combinar inúmeros fatores. Assim, é necessário traçar e aplicar processos e abordagens como, por exemplo, o design thinking, a fim de facilitar o caminho árduo que é, cotidianamente, liderar pessoas a resultados positivos.

Melhore a gestão de equipe

Existem inúmeros processos que contribuem para que gestores otimizem e potencializem os recursos humanos que contêm na empresa. Veja com qual das selecionadas prefere começar e não pare até concluir todas e atingir o melhor desempenho dos colaboradores.

1. Posicionamento

Toda empresa, mesmo que não saiba, possui missão, visão e valores. O exercício de pensar a respeito e desenvolvê-la, no entanto, auxilia em processos variados, que vão desde boas contratações (a fim de identificar profissionais com perfis alinhados à empresa) bem como a manutenção do clima organizacional, nos processos diários e foco nos resultados buscados.

2. Comunicação

Uma boa gestão de equipe, sem dúvida, passa por uma boa comunicação. É preciso encontrar a melhor maneira (tom e linguagem), além do melhor canal (mural, e-mail, alto-falante e outras opções) para manter todos informados, alinhados e com sentimento de pertencimento.

3. Participação

Cada colaborador tem potencial para contribuir. No entanto, é preciso criar um clima favorável para que as pessoas desenvolvam ideias, sintam-se confortáveis e motivadas a partilhar suas percepções, conhecimento e informações. Afinal, o medo de retaliação e o próprio estresse em se colocar sob os holofotes pode calar excelentes insights, o que deve ser evitado pelas empresas.

4. Desenvolvimento Individual

Um líder deve conseguir avaliar os pontos de excelência e também os de melhoria e, a partir de tal informação, desenvolver o profissional. Uma das formas de alcançar esse objetivo é realizar feedbacks individuais periódicos, além de investir em treinamentos ou estímulos por meio de auxílio na constante atualização e educação dos funcionários.

5. Design Thinking

Uma forma efetiva de reunir a maior parte das ideias já mencionadas é implantar a abordagem Design Thinking. A partir dela a empresa se organiza para diversificar as competências de seu elenco e os integra em um esforço e sinergia constantes e voltadas para a inovação. Firmada em cooperação, comunicação e etapas bem estipuladas, é uma boa solução para a gestão de pessoas.

Ao seguir as dicas acima, muitos benefícios serão alcançados pela empresa. Isso porque haverá maior engajamento, produtividade e novas ideias que, consequentemente, impactam positivamente no relacionamento e resultados com clientes. 

E, assim como você, seus amigos também querem aprender mais sobre gestão de pessoas para se tornarem melhores líderes e liderados. Por isso não deixe de compartilhar este post nas redes sociais para que todos possam ver!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *